• Fabiano Lana

Como misturar feijoada com goiabada


Imagine aquele filme meio comum de uma moradora de Nova Iorque que cansa das frustrações amorosas e profissionais e volta para a pequena cidade onde nasceu no interior dos Estados Unidos. E lá encontra um apaixonado de infância. Uma típica comédia romântica.

Foto: Divulgação

Imagine aqueles filmes asiáticos, da tradição de Spectreman (sou velho), Transformers, Godzilla e outros monstros que infernizam as grandes cidades do Japão ou Coréia do Sul. Um típico filme de aventura/catástrofe.

Tente, se possível, misturar essas duas propostas e terá Colossal, do espanhol Nacho Vigalongo, agora em cartaz nos cinemas.

O que une isso tudo é Gloria, personagem da quase sempre ótima Anne Hathaway – e digo quase sempre porque não vi todos os filmes dela, mas os que eu vi esteve ótima.

Colossal tenta a proeza de transformar dois lugares cinematográficos comuns e banais em algo incomum.

Parecerá absurdo? Será possível combinar a goiabada com a feijoada no mesmo prato? Quem definirá isso é o próprio espectador. Tem sido controverso. Está na dúvida? Podemos dizer que Hathaway, no mínimo, desempata o jogo a favor do temerário investimento.

Fabiano Lana é jornalista, filósofo, cinéfilo, colecionador de discos de vinil e colaborador da Se7e Cultura


29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Anuncie aqui na Sete Cultura
WhatsApp Image 2021-05-14 at 14.50.52.jp
image007.jpg